sexta-feira, 2 de julho de 2010

Brasília recebe trens da Alstom



Com nova frota, capacidade vai ser duplicada
Composições demandaram investimentos de R$ 260 milhões
O sistema de metrô que atende a população do Distrito Federal começa a ser renovado. Nesta quarta-feira, 30, a fabricante Alstom entregou ao governador Rogério Rosso o primeiro dos 12 novos trens que entrarão em funcionamento até o final de 2011.
Conforme anunciado, o novo veículo passará por um período de testes e deve entrar em operação em um mês. Segundo informações do governo distrital, foram investidos R$ 260 milhões na compra das 12 composições.
Além disso, outros R$ 50 milhões foram aplicado na modernização da frota antiga e R$ 15 milhões na aquisição de peças. Desta quantia, R$ 260,3 milhões foram financiados pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e o restante custeado pelo governo do DF.
“A aquisição de novos trens é um investimento que nos deixa orgulhosos pela melhoria que significa para os usuários do transporte público”, afirmou. O metrô transporta aproximadamente 160 mil passageiros por dia. Com a nova frota, a estimativa é que a capacidade será duplicada chegando a 300 mil usuários diários.
“A Alstom está muito orgulhosa em poder contribuir para um projeto desta importância para Brasília, que está completando seus 50 anos com planejamento para o futuro. Graças aos novos trens e ao sistema de sinalização, o metrô da capital federal será capaz de transportar mais usuários com mais qualidade”, garante Ramon Fondevila, diretor geral do Setor Transporte da Alstom Brasil.
Os trens estão sendo fabricados na unidade da Alstom localizada no bairro da Lapa, em São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário